Parceria com SAP já motiva migração de novos clientes para serviço de nuvem da Microsoft

Ical, indústria de extração e produção de cal 100% brasileira, é pioneira ao transferir o processamento de algumas aplicações para o Microsoft Azure e projetar 40% de redução de custos

São Paulo, 23 de março de 2015 — A parceria da Microsoft com a SAP, para permitir que sistemas de missão crítica desenvolvidos pela empresa alemã pudessem funcionar na plataforma de nuvem Azure, já tem seus primeiros resultados no Brasil. A Ical, uma das maiores indústrias de calcinação da América Latina e responsável por um faturamento de cerca de R$ 460 milhões, foi pioneira no País ao migrar aplicações SAP para a plataforma de cloud computing da Microsoft.

Uma redução de custos da ordem de 40% foi o principal aspecto a influenciar a decisão da Ical. A partir da migração, a indústria projeta cortar gastos com a aquisição de equipamentos necessários para que a empresa possa ter uma infraestrutura própria capaz de ‘rodar’ determinados sistemas SAP, além de eliminar a complexidade de manter este ambiente funcional e a capacidade ociosa desta robusta infraestrutura. A SGA foi a empresa parceira Microsoft responsável pela apresentação e implementação do projeto para a Ical.

Ao migrar para a plataforma Azure, a Ical ganhou mais flexibilidade para diminuir ou aumentar a capacidade de processamento de dados necessária para operar sistemas SAP de acordo com o ritmo de crescimento e os novos projetos da companhia.

Outro ganho importante foi a redução do consumo de energia elétrica e espaço físico, itens de peso na administração de qualquer datacenter e que ainda exerce uma carga extra quando se trata de uma indústria. Sob o modelo de nuvem, também é possível reduzir sensivelmente os custos com atualização de equipamentos obsoletos, manutenção de hardware e aquisição de licenças de software, que passam a ser responsabilidade do provedor do serviço, como a Microsoft.

“As empresas costumam fazer um investimento em infraestrutura própria pensando no cenário de crescimento que projetam para um determinado período. Mas essas são previsões difíceis e, quando não se concretizam, acabam gerando falta ou sobra de capacidade no centro de dados próprio. Com o Azure, esse problema deixa de existir”, explica Armindo Gabriel Sgorlon da Silva, diretor da SGA Tecnologia Inteligente.

No caso da aquisição de uma empresa, por exemplo, a Ical ganhará muito mais agilidade para expandir o número de servidores que ocupa na plataforma Azure, facilitando a incorporação dos negócios da companhia adquirida aos seus sistemas baseados em tecnologia SAP.

“A TI como serviço vem preencher uma lacuna que permite a empresa atender as suas necessidades na medida certa e direcionar o foco dos seus investimentos no objetivo do seu negócio”, afirma Carlos Alberto Avelin, gerente de tecnologia da informação da Ical.

A Ical migrou para o Azure seu ambiente de testes e qualidade de aplicações SAP. Esse é o momento em que a tecnologia que posteriormente será usada no dia a dia da empresa é posta à prova, sendo testada em diferentes cenários, incluindo situações extremas, como quando há um número muito alto de funcionários acessando ou incluindo informações em um mesmo sistema.

Em um segundo momento, a Ical também tem interesse em migrar para a plataforma de nuvem da Microsoft o ambiente de desenvolvimento e de ‘produção’ das aplicações SAP, que é quando os sistemas estão em pleno uso pelos departamentos da empresa e têm de funcionar a todo vapor.

Oportunidade de novos negócios

A base de clientes SAP que usa infraestrutura própria para processar aplicações representa uma grande oportunidade de negócios em nuvem tanto para a Microsoft quanto para seus parceiros. A perspectiva de redução de custos, ganho de agilidade e de transferir para um provedor especializado a gestão de uma infraestrutura robusta de TI têm se mostrado importantes chamarizes para motivar a migração de cada vez mais clientes SAP para a plataforma Microsoft Azure. Na esteira desse processo, parceiros como a SGA também têm se beneficiado como consultores em meio a essa mudança.

Sobre a Microsoft Brasil

Fundada em 1989, a Microsoft Brasil possui 11 escritórios em todo o País. Nos últimos 12 anos, a empresa investiu mais de R$ 239 milhões em projetos sociais, levando tecnologia a escolas, universidades, ONGs e comunidades carentes. É uma das 110 subsidiárias da Microsoft Corporation, fundada em 1975, empresa líder mundial em software, serviços e soluções que ajudam empresas e pessoas a alcançarem seu potencial pleno.

Acesse também

Blog Microsoft Brasil: http://www.blogmicrosoftbrasil.com.br/
Blog de interoperabilidade da Microsoft Brasil: Porta 25
Microsoft Brasil no Twitter: @MicrosoftBR
Microsoft Brasil no Facebook: www.facebook.com/MSFTBrasil

Para mais informações à imprensa, contate:

FSB Comunicações

(11) 3165-9655

Bruna Cortez — bruna.cortez@fsb.com.br
Leandro Bortolassi — leandro.bortolassi@fsb.com.br

Tags: , , , , ,

Posts Relacionados